MICHAEL JACKSON THE GREATEST
MICHAEL JACKSON THE GREATEST

Forum em homenagem ao rei do pop

AQUI VOCÊS PODEM EXPRESSAR TODO SEU AMOR,POR MICHAEL JACKSON,FIQUEM A VONTADE!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha



Setembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 

Calendário Calendário

Últimos assuntos
» |Michael é único
Dom Dez 27, 2015 2:42 pm por Nanci Borges

» Michael faz parte da minha vida!
Sex Jun 13, 2014 6:35 pm por Nanci Borges

» Impossível ser mais lindooo
Qua Jun 19, 2013 9:34 pm por Nanci Borges

» Feliz de estar aqui!!!
Qua Jun 19, 2013 9:32 pm por Nanci Borges

» oiiiiiiiiiiii
Sab Abr 06, 2013 10:04 pm por Milena Jackson

» Apenas quero ser o astro para entrar no seu coraçao.........
Sab Jan 26, 2013 7:40 pm por Janaina Oliveira oliveira

» BATALHA MUSICAL
Seg Jan 07, 2013 11:47 am por CecíliaBad

» Cheguei Jacksons!
Ter Ago 07, 2012 1:43 am por Loiruda

» Amor e sexo selvagem
Ter Fev 28, 2012 4:28 pm por cleia mj


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Dois Amores [+18]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 3]

26 Re: Dois Amores [+18] em Sex Maio 20, 2011 7:29 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua flor flower


_________________

27 Re: Dois Amores [+18] em Dom Maio 22, 2011 5:01 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
17º Cap.

Eu aceito o convite dele.

- Vc espera eu tomar o banho?. Digo
- Vc não precisa tomar banho... vc está ótima, seu cheiro me fascina. Dizia Mike que me abraça por trás.
- Para com isso... Michael eu vou tomar banho tá?. Digo rindo.
- Ok... eu estarei esperando no meu quarto. Diz Mike.
- Esta bem Michael... Até daqui a pouco. Digo.

(Mike sai e eu vou tomar banho)

Minutos depois...
Após eu terminar o banho eu me arrumo.

(saio e vou p/ o quarto)
Bato na porta do Mike eu não escuto nada, então, eu resolvo entrar.

(entro)
Eu presumo que ele esteja no banho, então, eu resolvo esperar alí mesmo. Eu fico andando pelo quarto que é imenso, mais eu paro na janela e fico olhando aquele verde maravilhoso, um ar de paz de espírito total. Alguns minutos depois qd eu viro eu me deparo com o Mike de toalha ainda com o corpo molhado e os cabelo molhado.

- Deus! Me desculpe eu... Digo desviando a cabeça.
- Que isso... Diz Mike.
- Eu vou esperar lá fora... "Ai meu Deus que vergonha...". Penso enquanto eu ia pra porta.
- ...

(saio do quarto)
Eu coloco minhas mãos na minha cabeça e vou p/ o jardim esperar o Mike.

(abro a porta e saio)
Eu fico abobalhada ao ver o Mike de toalha nossa fiquei sem ar, aquele cabelo cacheado me deixou louquinha, louquinha.

Alguns minutos depois... (Mike sai)

- Uau!. Diz Mike.
- Que susto! Obrigada! Vc tbm está bonito. Digo ainda com vergonha.
- Está tudo bem?. Pergunta.
- Sim! Tudo bem. Respondo.
- Vamos?!. Diz Mike.
- ...
- ...

(entramos no carro)
Mike que iria dirigir. Nós olhamos um p/ outro e damos um sorriso maroto.

- Vou te levar no melhor restaurante. Diz Mike que tinha colocado sua mão na minha coxa.
- Nossa!. Digo surpresa e com um arrepio pelo fato dele ter colocado aquela mão na minha coxa.
- ...
- ...

(saimos de Neverland)
Estava indo tudo pesfeitamente bem...

Enquanto isso no Brasil... (no cinema)
Jonas tinha chegado e esperava pela Sú.

(Sú chega)
Eles se comprimentam, mais Jonas não se sentia bem bem por estar indo no cinema com ela.

- Oi! Vamos entrar?. Diz Sú.
- Oi. Vamos sim... Diz Jonas.
- Vc está bem? Pergunta Sú.
- Ahhh eu não falei ainda com a Cecília estou preocupado... e tbm pelo fato de que eu estou no cinema com vc. Diz Jonas desconfortável.
- Vc quer ir embora?. Dizia Sú chantageando Jonas.
- Não!! Vamos lá... Diz Jonas que aos poucos ia caindo nas garras da Sú.

Enquanto isso... Nos E.U.A chegando no restaurante)
Um restaurante maravilhoso, mais p/ evitar os flagras entramos por trás.

(entrando no restaurante)
Eu fiquei boba ao ver aquele lugar que era chique de mais pra mim. Nos levaram aos nossos lugares.

(sentamos)
- Michael que lugar lindo. Digo.
- Que bom que vc gostou. Diz Mike.
- O quê o Srº. e a Srª. irão pedir?. Pergunta o garçom.
- Hummm eu quero um suco de laranja por favor. Digo.
- Vc não bebe?. Pergunta Mike.
- Não!. Digo.
- Eu quero um vinho. Diz Mike.
- Ok um suco de laranja e um vinho. Irei trazer. Diz o garçom.
- Michael... Tento dizer algo.
- O quê foi? Pergunta.
- Eu th medo que nos flagrem e se isso acontece adeus ao meu namoro. Digo aflita.
- Não se preocupe eu não deixarei que nos flagrem.
- ...
- ...

O jantar estava saindo como num conto de fadas. Ríamos de tudo, Mike me escutava como fazia o Jonas. Mike me perguntava como eu th conhecido o Jonas e ele escutava com uma atenção que me deixava surpresa, afinal qual homem que pergunta essas coisas? Pois, é só o Mike mesmo pra me deixar cada vez mais distante do Jonas, eu sentia isso dentro de mim. Minha mente ainda sentia falta dele mais meu corpo e o meu coração já tinha se conformado de que eu já tinha perdido o Jonas pra sempre.

Horas mais tarde...
Já estava tarde e decidimos ir embora. Mike chama o garçom e pede a conta. Ele vem Mike, paga e assim nos levantamos.

(indo p/ o estacionamento por trás... e entramos no carro)
Nós nos olhavámos fixamente assim que entramos. Nossa respiração mudava a todo instante, chegavámos cada vez mais perto.

- Acho melhor irmos... Digo quase encostanto nossos lábios.
- ...

(fomos pra Neverland)
Ficou uma sensação terrivél, durante a volta ao rancho.

(chegando me neverland)
Era 23h50 um silêncio tomou conta naquele momento. Qd eu tiro o cinto e abro a porta Mike pega em meu braço me olha por alguns seg. e me beija desesperadamente. Um bj me deixava com louca e começando a transpirar, um bj tenso, molhado e quente. Ele coloca sua mão na minha coxa e começa a acariciá-la ele subia e descia com aquela mão.

- M... por favor!! Pare. Digo
- Não diz nada apenas se entrega p/ mim. Diz Mike.
- ...
- ...

(saimos do carro e entramos pela cozinha)
Entramos aos beijos mais que quentes. Ele me coloca contra a parede e me pressionava a cada bj. Ele pega minha perna e coloca em sua cintura e acariciava minha perna, minhas mãos na nuca dele, ele beijava meu pescoço e começava com aqueles gritinhos dele. Mike me pega no colo e me coloca naquela copa enorme que tinha. Mike me beijava e acariciava minhas pernas, ele depois, deixa uma mão em meu seios e omeça a apertá-los com intensidade e com movimentos mais excitantes, nisso ele começa abrir minha camisa e ao mesmo tempo beijavá-os. Mike me pega no colo.

(fomos p/ quarto dele)
Mike estava louco, desesperado. Ele fecha a porta com tudo e me joga na cama. Ele vai tirando minhas roupas aos poucos e eu as dele. Ficamos nus, Mike beijava meu pescoço e descia até os seios e mordiá-os, eu mordia meus lábios de tanto prazer minhas mãos estavam no lençol que eu segurava fortemente. Ele descia e qd ele chega na minha parte íntima ele começa a beijar. Isso me deixava em êxtase total e eu enclinava minha cabeça pra trás. Depois Mike pega minhas pernas e me puxa pra perto dele, que me olhava de um jeito diferente e cheio de prazer. Então ele faz a penetração e qd sentíamos as nossas partes íntimas damos um gemido mais que erótico, alto e intenso. Mike então, "deita" sobre mim minhas mãos em suas costas e as dele na grade da cama. Mike com aqueles movimentos lentos de baixo p/ cima, podíamos sentir a respiração ofegante de ambos e os batimentos do coração. Mike intensificava os movimentos á todo instante sem parar, nós começavámos a ficar consados e ofegantes, nós começavámos com os gritos e gemidos. Mike estava uma loucura, eu percebia que ele estava começando a ficar exausto, mais qt. mais ele intensificava mais ele tinha forças pra que chegassemos ao ápice. Mudavamos de posição, ele me virava como se eu fosse uma boneca de pano. Depois voltamos p/ a posição inicial, nossos corpos suados e nossa respiração mais que ofegante, Mike deu a última investida mais "íntimamente" que me deixa vendo estrelas. Então, Mike e eu chegamos ao ápice.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

28 Re: Dois Amores [+18] em Sab Maio 28, 2011 4:38 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
18º Cap.

Na manhã seguinte...
Numa manhã chuvosa eu acordo abraçada ao Mike. Seu braço em quadril, podia escutar e sentir sua respiração quente. Eu pego meu relógio, vejo á hora e me viro. Qd viro, Mike dormia como uma criança, eu acaricio seu rosto, Mike então assim que percebe o carinho que fazia, dá um sorriso. Eu deixo minhas mãos em suas costas, e podíamos nos ver nitidamente pela irís de ambos que brilhava, eu mordia meus lábios e me perguntava "Será que é real? Será que aconteceu mesmo?!" então, um bj aconteceu. Mike acabou ficando em cima de mim. Nossos corpos queriam sentir novamente aquela sensação de liberdade, o corpo formigando, Mike começa a beijar meu pescoço e seus dedos á acariciavam meus seios fartos, minhas mãos no lençol onde eu segurava com força, mais qd sintimos nossas partes íntimas eu enclino minha cabeça para trás, depois eu deslizo minhas mãos pelas suas costas. Nossa respiração devagar crescia a cada investida dele.

Enquanto isso no Brasil...
Jonas começava a desconfiar de mim, ficava se perguntando "Pq ela ainda não me ligou? Será que alguma coisa aconteceu?" mais Jonas não ficava nervoso, pois aos poucos ele ficava mais distante de mim, começa a ter um sentimento pela Sú que ele próprio não conseguia entender.

Enquanto isso nos E.U.A ...
Mike e eu nos entregavamos intensamente, nossas mãos buscavam os pontos de prazer. Qd chegamos ao nosso ponto mais alto do prazer, Mike fica acariciando meus cabelos. Mike então se levanta enrolando o lençol em sua cintura e vai p/ o banheiro, em seguida em tbm me levanto enrolada num outro lençol, e vou pegar a roupa havia vestido. Enquanto eu estava destraída vem o Mike de surpresa me agarra por trás e me leva p/ o banheiro, damos risadas eu tentava me soltar, nisso Mike tira o lençol com tudo, me pega no colo e entramos na banheira. Ainda estava enchendo a banheira Mike começa a me beijar loucamente. Após a banheira estar cheia ele pega um sabão e começa a passar em meu seios, e os beijos cada vez mais ardentes.

- Michael... (suspiro)... Digo com uma sensação alucinante.
- ... Mike nada diz.
- Mi... Michael devem ter percebido a nossa demora... Por favor... Digo suspirando.
- ... Nada diz.

Mike continuava com suas caricias em meu corpo.

(após o banho)
Mike e eu estavámos loucos um pelo outro, queríamos sempre estar nos entregando.

(saímos do quarto)
Assim que aparecemos já não era hora de tomar café, mais Mike, não pediu nada apenas saímos de mãos dadas e fomos caminhar pelo rancho. Mais por um momento me veio a mente de que não th ligado p/ o Jonas, nisso o Mike me levou para uma outra casa que havia no rancho e de lá pude fazer a ligação.

(ligando p/ o Jonas)
- Alô? Amor!. Digo
- Alô! Oi, Ce! Que surpresa pq essa demora??. Me questionava Jonas.
- Por nada amor, eu sai com mh tia e acabei esquecendo... Mais eu liguei pra vc sua mãe atendeu, e ela disse que vc th saído... Digo.
- É ela me disse... Diz Jonas que mudava seu tom de voz.
- Hummm... sabe ela me disse que era p/ eu tomar cuidado?!.Digo.
- Pq?. Pergunta Jonas.
- Não sei? Jonas vc fez alguma coisa?. Pergunto.

Jonas por alguns seg. fica sem falar.

- Jonas?. Chamava por ele.
- Oi... Diz Jonas.
- Vc está me escondendo algo?. Pergunto.
- Nada!! Eu nunca faria nada pra te magoar amor... Diz Jonas pensando no dia que th saído com a Sú, mais diz outra coisa.
- Hum... Bom já que está tudo bem por aí... Digo.
- Está tudo perfeito... Estou com saudades suas amor... Eu Te Amo... Diz Jonas.
- Eu tbm te amo amor.... Digo olhando p/ o Mike que havia acabado de entrar.
- Até a volta amor! Bjs. Se dispede Mike.
- Até...
...

(desligo)
Mike me beija pega minhas mãos e me levanta.

(saímos da casa)
Fomo dar uma volta na roda gigante.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

29 Re: Dois Amores [+18] em Sab Maio 28, 2011 4:43 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua amiga linda!


_________________

30 Re: Dois Amores [+18] em Dom Maio 29, 2011 4:59 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
19º Cap.

Após eu telefonar p/ o Jonas eu mudo radicalmente, Mike percebe mais nada diz apenas fica me observando, eu andava com a cabeça baixa e pensando no que eu th feito com o Jonas, sentia um peso na conciência tão grande. Qd. estavámos na roda gigante, Mike não consegue entender a minha mudança, tão repentina.

- O quê foi?. Pergunta Mike.
- Hã? Perdão vc perguntou algo?. Digo distraída em meus pensamentos.
- Vc ficou bem diferente depois do telefonema... aconteceu algo?. Mike perguntava com um certo receio.
- Uhmm... não foi nada... vamos curtir o passeio?. Digo mudando de asssunto.
- ...
- ...

Mike então, não toca mais no assunto mais seus pensamentos começavam a ficar confuso. Eu não estava legal, tinha que fazer alguma coisa.

Mais tarde no jantar...
Eu continuava distante, Mike não entendia, qd. escutei a voz do Jonas, mexeu de mais comigo. Eu mal comi direito então, eu decido me retirar.

(vou p/ o quarto)
Fico trancada pensando numa solução.

(na sala)
Mike ficou sentado pensativo, com uma mão no queixo e olhando fixamente p/ a mesa. Mais depois de mais alguns minutos Mike sai e vai p/ seu quarto.

Horas mais tarde...
Eu deitada na cama, não conseguia dormir, então, depois de ficar pensando numa solução, eu decido ir embora, arrumo minha roupa e escrevo um bilhete.

"Querido Michael, eu estou escrevendo esse bilhete p/ lhe dizer que estou indo embora. Eu não posso mais continuar mentindo para vc, para o Jonas e p/ mim mesma...
Foi linda nossa noite, nunca irei esqueçer o qt. vc me fez sentir mulher... Essa vida não é pra mim, eu não saberia viver assim. A minha vida e o meu futuro não é aqui e sim ao lado do Jonas... Se eu não merecer sua compreensão e seu perdão eu entenderei..."
Adeus Michael!


(saio do quarto e entro no quarto do Mike)
Eu respiro bem fundo, com uma sensação de que era a coisa certa a se fazer. Deixo o bilhete na mesa de cabeçeira dele, dou-lhe um bj em sua testa e saio.

(saio do quarto)
Nisso, uma empregada vem e fica me observando. Ela tinha escutado um barulho que vinha perto do quarto dele, qd. ela me vê com minha mala fica pensativa mais nada diz, então, num gesto com a minha cabeça apontando p/ a porta. Ela pega a chave, abre a porta e eu saio.

(saio e caminho até o portão)
Andava sem olhar pra trás. Enquanto eu andava um segurança me acompanhava, a pedido da mesma empregada que abrio a porta pra mim.

(saio de Neverland)
Eu já, tinha pedido um táxi qd estava no quarto arrumando as coisas.

(entro no táxi)
Digo p/ me levar no aeroporto.

(chegando no aeroporto)
Eu, assim que chego compro minha passagem ligo p/ Jonas.

- Atende...?!. Dizia várias vezes.
- Alô?. Responde Jonas.
- Amor!!. Digo alívia em ouvir a voz dele.
- Ce? O quê foi?. Pergunta Jonas assustado.
- Eu estou voltando pra casa... Irei chegar de madrugada, vc pode vir me buscar?. Pergunto anciosa pra reencontrar com ele.
- Hã... mais?? .... (assustado) claro amor... Diz Jonas.
- ...
- ...

Após, ter ligado e combinado com ele, eu esperava apenas para voltar pra casa.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

31 Re: Dois Amores [+18] em Seg Maio 30, 2011 7:17 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua Flor flower


_________________

32 Re: Dois Amores [+18] em Dom Jun 05, 2011 4:33 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
20º Cap.

Em Neverland...
Mike acorda assutado com uma sensação
diferente. Coloca suas mãos em seu rosto em sinal de que tinha sido
apenas um sonho. Ele vira sua cabeça para o lado direito onde eu tinha
deixado uma carta. Mike fica olhando por alguns seg. mais não esbolçou
nenhuma reação. Ele então se enclina e pega a carta, liga o abajur e
logo nota que a letra era conhecida, qd. Mike começou a lêr não, soube
explicar o que estava lendo, não acreditava naquelas palavras de
despedidas. Mike levanta da cama e segurando a carta, começa a andar em
circulos pelo quarto, pensava em ir atrás de mim, mais não fez. Mike
volta a deitar-se mais demora até pegar no sono novamente.

No Brasil, casa do Jonas...
Jonas
se levanta se arruma para ir ao aeroporto. Ele não diz e nem pensa
nada, apenas sorri de uma maneira única. Ele fica tão feliz pelo meu
retorno que senti uma sensação de "borboletas" em sua barriga.

(Sai Jonas)
Jonas entra no carro e não escondia sua alegria.

No aeroporto, eu embarco...
Qd
eu entro e sento na poltrana de uma certa forma, eu me sinto alíviada
por estar voltando e não cont. enganando o Jonas e ao Mike.

Jonas chega no aeroporto...
Ele entra correndo desesperado e muito mais ancioso.

- Por Favor, Senhor!? Onde é o desembarque do voo que vem dos E.U.A?. Pergunta Jonas
-
Senhor é só seguir em frente. Responde o segurança que estava
segurando um rádio e fazia um sinal com sua mão mostrando-lhe o caminho.
- Obrigado! Diz Jonas.

Jonas então, vai até o lugar onde o segurança avia lhe falado.

Chego no Brasil...
Saio do avião, faço aquelas coisas demoradas, pego minhas malas e saio

Jonas
fica de olhos abertos no portão não piscava um só minuto. Qd eu passo
pela porta Jonas fica de braços abertos e com um sorriso de orelha a
orelha. Vou até ele emocionada.

- Jonas! Digo seu nome e dou um abraço bem forte, após ter soltado as malas no chão.
- Ce!! Eu te amo, eu te amo... Saudades amor!! Diz Jonas que começa á girar.
- ...
- ...

Nós ficamos nesse "love" por um bom tempo, damos um beijo que jamais tínhamos dado.


CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

33 Re: Dois Amores [+18] em Dom Jun 05, 2011 6:28 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua amiga, você ainda vai postar seus contos no Music And Me?


_________________

34 Re: Dois Amores [+18] em Sex Jun 10, 2011 1:45 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
cleia mj escreveu:Continua amiga, você ainda vai postar seus contos no Music And Me?

Se a facu. me deixar eu posto kkkkk mais esta chegando ás férias vou poder fazer algumas

21º Cap.

(indo pra minha casa)
Dentro do carro Jonas não acreditava, em que eu estava alí sentada ao lado dele. Ele tinha uma mão no volante e outra ele coloca na minha coxa e por vezes davámos as mãos.

- Amor estou tão feliz por vc estar de volta!. Diz Jonas que não escondia sua alegria e tinha esquecido por a Sú.
- Amor nunca vi vc assim antes.. Vc está com cara de que aprontou!. Digo rindo e desconfiada de que ele tinha aprontado.
- Amor não fiz nada! Pq eu faria?. Perguntava Jonas que ria pra disfarçar.
- Eu sei que vc fez algo de errado amor! Essa sua risada foi forçada. Digo colocando ele contra a parede e rindo.
- Mais pq vc está assim?. Pergunta Jonas.
- Ahh seu bobo é brincadeira. Digo rindo mais continuava desconfiada.
- ...
- ...

(chegando em minha casa)
Eu fiquei surpresa ao ver que ele cuidou bem. Mais ainda continuava á sensação de que ele fez algo de errado é que tinha a Sú envolvida. Eu não iria insistir pq não seria bacana, até por que não queria briga aquela hora. Jonas me abraça por trás e beija meu pescoço delicadamente, eu me viro e nos beijamos com os maior prazer. Jonas, dorme comigo e matamos a saudade.

Duas semanas depois...
(casa do Jonas)
Estava almoçando em pleno domingo estava tudo tranquilo, tudo perfeito, mais algo acabou comigo.

(tocam a campainha)
- Quêm será? Pergunta Jonas, que levanta p/ atender.
- Espero que não seja...?. Me questiono.

(abre a porta)
- Jonas! Preciso falar com vc amor!. Diz Sú que ao vê-lo da um abraço.
- ...?

Qd. eu escuto essa voz sala, eu me levanto e vou até a porta.

-Jonas?. Pergunto.
- Vai embora!!. Diz Jonas que estava nervoso pela presença da Sú.

Qd. eu chego e vejo a Sú, sinto uma raiva e sinto que aquela impressão existia.

- O que vc faz aqui?. Pergunto apontando pra Sú.
- Hey! Calma eu quero falar com o Jonas é de interesse dele é sério. Diz Sú que beija o rosto dele.
- Sú, vai embora. Diz Jonas.
- Jonas, o que ela quer falar com vc?. Pergunto quase voando no pescoço dele.
- Eu não sei?. Diz Jonas.
- Jonas não mente pra mim?!. Digo nervosa.
- Jonas, pq vc não diz de uma vez que... Qd. ela estava viajando nós saímos e transamos na casa dela. Diz Sú sem se importar.
-??
- Sú vai embora!. Diz Jonas nervoso.
- Vc transou com ela? Na minha casa e na minha cama? Jonas diz que isso é mentira?!. Digo chorando e com minhas mãos sobre minha cabeça.
- Ce, é mentira. Diz Jonas.
- Não me chame de Ce!. Digo engolindo o choro.

Então, eu vou até a sala pego minha bolsa e vou até, a cozinha me despedir dos pais dele.

- Ce! Espera!. Diz Jonas querendo que eu escute suas desculpas.
- Me deixa droga!!. Digo
- Deixa ela ir amor! Diz Sú que estava adorando aquela situação.
- Jonas Sona deixa eu passar!?. Digo
- Não!! Vc tem que me escutar. Diz Jonas que estava na frente da porta.
- Jonas deixa eu passar!. Digo empurrando-o.
- ...
- ...

Eu vou embora correndo e não olhava pra trás. Jonas não consegue me seguir pq a Sú impede. Eu andava totalmente sem rumo e cambaleando como se estivesse bebada.

- Jonas?? Eu acho que estou grávida amor!. Diz Sú sorrindo.
-? Como??. Diz Jonas que não compreende.
- Eu estou grávida. Repete Sú a grande notícia.
- Vc acha que está grávida? ou está grávida?. Pergunta Jonas.
- É uma suspeita. Diz Sú.
- Isso é loucura! Nós não transamos! Isso é loucura!!. Jonas repetia várias vezes pra se convencer de que era uma armação.


Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

35 Re: Dois Amores [+18] em Sex Jun 10, 2011 5:03 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua amiga...


_________________

36 Re: Dois Amores [+18] em Ter Jun 14, 2011 1:41 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
22º Cap.

- Cecília?!. Chama por mim Sissa amiga da Facu.
- ...
- O quê foi?. Pergunta Sissa que me abraça.
- Jonas me traiu. Digo chorando.
- Como é?. Pergunta Sissa surpresa.
- Ele transou com aquela... da Sú. Digo.
- Vc está brincando né?. Diz Sissa
- Não! Eu estava na casa dele aliás eu sai agora de lá, por que ela apareceu e na minha frente disse que tinha eles tinham transado qd eu viajava. Digo soluçando.
- Vc deixou ele se explicar?. Pergunta Sissa que tinha uma simples opinião de que era mentira.
- Eu sai correndo nervosa, ele dizia várias vezes que era mentira que não tinha transado com ela.
- Ce, eu vou te levar p/ sua casa, lá conversamos melhor. Diz Sissa.
-...
-...

(chegando em casa)
Assim, que chegamos eu sentei no sofá e desabei de vez no choro, Sissa senta ao meu lado me abraça e nada diz apenas deixa que eu desabafe de vez.

(Tel. toca)
Eu na hora disse que era o Jonas, eu deixei tocar, mais a Sissa insistiu p/ que eu atendesse.

(atendo)
- O quê vc quer?. Digo
- Amor vamos conversar?. Diz Jonas desesperado.
- Jonas... pq vc fez isso comigo?. Pergunto
- Eu não transei com ela... acredita em mim? Por favor amor?. Diz Jonas que começa a chorar.
- Jonas... Eu não sei?.

Eu, temia que algo viria.

- Vamos conversar? Eu posso ir até sua casa?. Pergunta.
- Jonas?!
- O que foi Ce?. Pergunta Sissa.
- Ele quer vir aqui! O que eu faço?. Pergunto.
- Deixa ele vir... vcs precisam conversar, se isso ocorreu vc pode perdoar ele, afinal vc não disse o real motivo de sua viagem, e pelo modo que vc voltou Neverland foi muito especial. Diz Sissa.
- Ok Jonas, estarei te esperando. Digo.
- Ok estou indo agora. Diz Jonas.
- ...
-...

(Jonas chega)
Eu vou abrir a porta.

Assim que abro, eu vejo que ele não estava bem que estava sofrendo muito. Eu não podia ver ele assim. Sissa se levanta e vem até a porta.

- Ce, eu vou embora vou deixar vcs conversarem a sós. Diz Sissa que me abraça.
- Esta bem amiga, obrigada! Depois eu ligo pra vc. Digo ainda abraçando a Sissa.
-...

(Sissa sai Jonas entra e eu fecho a porta)

Sentamos no sofá e lá ficamos nos olhando intensamente. Os olhares mais intensos e eu via através daquele olhar um homem que estava louco pelo meu perdão e querendo desabafar.

- Pode começar. Digo com voz de choro.
- Ce, meu amor... Eu não transei com ela, acredita em mim?. Diz Jonas que segura em minha mão.
- Jonas... eu não sei, mais vc tem algo além disso pra falar comigo?. Pergunto.
- Ela disse que que "poderia estar grávida", mais é impossivel?. Diz Jonas que queria a todo custo mostar que era armação da Sú.
- (risos) ai meu Deus! Ela disse que poderia estar grávida? Ainda vc quer negar o que Jonas?. Digo levantando do sofá encorformada.
- Amor eu não transei com ela!! Poxa acredita em mim caramba. Diz Jonas, que se levanta do sofá e me abraça por trás.
-Jonas, por favor... Para, para... Como vc quer que eu acredite em vc?. Pergunto tirando ás mãos dele da minha cintura.
- Amor... É loucura ela estar grávida?!... se ela estiver dizendo a verdade, eu assumo o meu papel de pai, mais eu quero que vc esteja ao meu lado, eu não vou ficar com ela. Diz Jonas.
- Eu não sei, Jonas?. Digo com medo de sofrer mais ainda.
- Por favor? Me dê uma chance? Podemos reverter essa situação, o que me diz?. Pergunta Jonas, que coloca suas mãos em meu rosto.
- Isso é loucura... Jonas eu vou dar mais essa oportunidade se vc pisar na bola acabou. Digo.
- ...
-...

Após essa conversa damos um beijo e um longo e forte abraço.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

37 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jun 18, 2011 4:12 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
DESCULPEM PELA BIG DEMORA....

23º Cap.

Enquanto nos abracaçamos eu pensei no Mike. Eu menti p/ o Jonas dizendo que nunca iria trai-lo, mais eu cometi um erro, não sabia se contava que a minha ida p/ os E.U.A. era para me encontrar com o Mike e que eu transei com ele, isso começava a me deixar preocupada, eu não sabia se deixava essa hist. de lado e seguia em frente com o Jonas.

- Vc não contou mais sobre a sua viagem?. Pergunta Jonas.

Qd. ele diz isso eu fico parada, sinto que meu coração ia parar de bater naquele instante.

- Ahh foi legal, normal, tranquilo. Digo mentindo pra ele.

Eu me sentia tão mal com isso, não sabia se contaria e se ele fosse perdoar?.

- Jonas... eu preciso falar com vc... isso é muito sério e importante. Digo com um medo.
- Diz. Responde Jonas que me olhava.
- Nossa, isso é horrivél de dizer. Digo olhando pra baixo.
- Ce?? Tem alguma coisa haver com a sua viagem?. Pergunta Jonas, que me deixa sem saída.
- Sim.. aconteceu algo... Digo pausadamente.
- Sim... Diz Jonas, e seu olhar me assustava.
- Jonas... eu acabei ficando com um cara... Digo.

Jonas me corta qd escuta isso, ele senta no sofá e coloca as mãos na cabeça e começa a rir.

- Vc só pode estar brincando?. Diz Jonas.
- Não... Digo
- Vc fez algo a mais com esse cara? Posso saber o nome dele?. Jonas pergunta duas coisas que eu não gostaria de ouvir e de responder.
- O nome dele não sei? Foi apenas uma beijo. Digo não mencionando o Mike.
- ...

Eu menti qd. iria mencionar o nome do Mike, alguma sensação de alerta, fez com que eu não mencionasse o Mike. De um certo modo eu "contei a verdade", mais eu não saberia como ele iria reagir.

- Vc jura que não teve mais nada com esse cara?. Pergunta Jonas que se levanta e segura minhas mãos.
- Juro Jonas.. Digo com um aperto no peito tão grande.

Então, nos abraçamos e logo depois nos beijamos, mais qd. nossos lábios se tocaram, uma lágrima com "gosto" de traição apareceu, eu não sabia se naquele momento eu parava tudo e abria meu coração pra ele, e aceitaria se ele tomasse a decisão de que não iria me perdoar? ou conviveria com aquilo p/ o resto de minha vida?. Pois bem, eu não fiz nada e qd. terminamos juramos que não iríamos tocar mais nessa viagem.
Se um lado estava "resolvido" o outro estava apenas esquentando. Naquele momento Jonas decide ligar pra Sú.

- Vc vai ligar pra quêm?. Pergunto secando minhas lágrimas na camiseta.
- Pra Sú. Diz Jonas que estva com os lágrimas caindo pelo rosto.
- Vc está brincando? O que vc quer com ela?. Pergunto.
- Vc vai vêr. Diz Jonas.

Eu fico louca pensando no que ele estava armando.

- Alô? Sú, e o Jonas.... Quero falar com vc sobre uma coisa, é sobre a sua suposta grávidez. Diz Jonas.
- Oi, amor... o que é?. Pergunta Sú.
- Eu quero que vc faça o teste de gravidez, eu e a Ce queremos estar junto pra garantir. Diz Jonas.
- (risos) vc está brincando? Pq vc está deconfiando de mim? Sabe vc deveria é desconfiar de sua namorada. Diz Sú.
- Se é sobre a viagem pode esquecer, pq ela me contou o que aconteceu. Diz Jonas que olhava pra mim.
- O que foi?. Pergunto.
- Ela está falando sobre a sua viagem. Diz Jonas olhando pra mim.

Qd. ele diz isso eu fico em transe. Pq ela sabe o real motivo da minha viagem, eu estava vendo que estaria nas mãos dela.

- Sei... ela disse pq foi viajar?. Diz Sú deixando o Jonas nervoso e um pouco desconfiado.
- Olha... eu não quero mais saber dessa viagem ok? Vc vai topar o acordo ou não?. Pergunta Jonas.
- ... vou pensar no seu caso. Diz Sú que desliga.
-...

Eu fico andando em circulos pensando se ela contou pra ele.

- E aí?. Pergunto.
- Ela vai pensar... Diz Jonas.
- Uffa espero que não demore. Digo
- ...
- ...

Jonas e eu ficamos nessa hist. e conversando se ela estiver mesmo grávida como iríamos nos comportar.

5 dias depois...
Eu ainda pensava no Mike e na baita mentira que disse ao Jonas, e pra completar ainda tinha a Sú que poderia ferrar com tudo. Jonas estava em sua casa esperando a Sú aparecer e virem até minha casa.

(Jonas e Sú chegam)
Eu respiro bem fundo e abro a porta.

- Oi! Dizemos os três juntos.
- Vamos acabar com isso tá?. Digo.

(eles entram)
Sú entra e vai p/ o banheiro. Jonas e eu ficamos na fente da porta.

30 minutos depois...
(Sú sai)
Ela olha pra ele e dá um sorriso e abraça ele.

- Parabéns papai!. Dizia Sú que ainda não tinha largado Jonas.
- ??. Jonas não disse nada, mais em seu coração e sabia de que não transou com ela.
- ...
- Vamos começar a escolher o nome. Dizia Sú.

Eu fiquei tão surpresa qt. ele, ela dizendo aquelas coisas me dava um vontade de bater nela, então, eu tiro ela de "cima" dele e corto aquele momento. Começei a falar sobre como iríamos conviver com aquela nova vida. Mais Jonas, não acredita ele ia assumir a criança, mais tinha algo que não cheirava bem.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

38 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jun 18, 2011 5:15 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua Cê!


_________________

39 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jun 25, 2011 3:41 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
24º Cap.

Uma semana para o Natal...
Eu estava em casa anciosa para a chegada do Natal, afinal era o 1º que comemoraria ao lado do Jonas.

Mais ao decorrer do dia eu pensava na gravidez dela, afinal estava muito estranho? Eu estava perdida, mais eu prometi a ele que ficaria ao lado dele, mais por outro lado penso no Mike o quanto eu machuquei. Mais o inferno estava começando, Sú ligava em casa pra falar com o Jonas, mais teve um dia que ela liga pra falar comigo, me questionando sobre a viagem e o encontro com o Mike. Sua voz deu uma pequena impressão de que era uma ameaça, mais apesar de que ela não ter ligado pra infernizar minha vida, eu fiquei com o pé atrás com ela.

- O quê vc quer?. Pergunto.
- Eu? Nada! Quero falar com o pai do meu filho?. Diz Sú
- (risos) vc está brincando né? O Jonas pode ser o pai do seu filho mais ele é meu namorado... Ele não está aqui, pq vc não liga pra ele?. Digo.
- (risos) calma! eu não quero brigar com vc... conta uma coisa como foi a noite com o MJ?. Pergunta Sú descaradamente.

Qd. ela diz isso eu travo e naquele momento, não sei o quê falo?

(Jonas chega)
- O pai do seu filho chegou. Digo e logo em seguida passo o tel. pra ele.
-...

Jonas pega o tel. e fica sem entender nada. Eu vou p/ o quarto pensar no que irei fazer da minha vida.

- Alô?. Quem é?. Diz Jonas
- Oi papai do ano. Diz Sú.
- O que vc falou pra ela?. Pergunta Jonas.
- Eu? Mais não disse nada? Pq?. Diz Sú.
- Ela se trancou no quarto... me diz o que disse pra ela?. Pergunta Jonas
- (risos) Jonas eu não fiz nada tá legal? O que eu posso fazer se vc aprontou. Dizia ela deixando Jonas nervoso.
- Olha para com isso tá?. Diz Jonas.
- Eu quero te convidar pra passar o Natal comigo!. Pergunta Sú.
- Eu vou passar o Natal com a Ce... É o nosso primeiro natal... Diz Jonas.
- (risos) Vc está brincando? Eu sou a mãe do seu filho.
- Pode ser mais ela é a mulher que amo! Eu tenho que desligar...
- ... ?

(Jonas desliga)
Ele fica com suas mãos em sua cintura e fica pensando no que havia ocorrido.

(entra no quarto)
Eu estava de pé com os braços cruzados e olhando a vista da janela e chorando. Jonas me abraça por trás e começa a nos balançar.

- O que foi amor?. Pergunta Jonas.
- Nada amor... e a Sú que me deixa louca fica me provocando. Digo.
- Amor não liga... sabe o que ela queria? Diz Jonas
- Não? O quê?. Pergunto.
- Que eu passe o Natal com ela. Diz Jonas
- (risos) sério? E vc?. Digo
- Eu falei que iria ficar com vc é claro. Diz Jonas.
- Uhmmm.... ela ficou uma fera?. Digo
- Ô! Como ficou!. Diz Jonas
-...
-...

CONT.

MIKE EU TE AMAREI P/ SEMPRE! R.I.P. REI DO POP E ETERNO PETER PAN!!!


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

40 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jun 25, 2011 4:09 pm

cleia mj

avatar
Moderador
Moderador
Continua amiga adooro!!!


_________________

41 Re: Dois Amores [+18] em Seg Jun 27, 2011 5:41 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
25º Cap.

Eu logo fico em silêncio, isso encomodou muito o Jonas, pois ele percebeu que tinha algo de errado comigo e como eu agi qd. estava no tel.

25 -12 Manhã de Natal...
Eu acordo e vou tomar banho.

(após o banho)
Qd. eu termino eu me arrumo e vou tomar café.

(tel. toca)
Vou atender correndo quase caio no chão.

- Alô? Digo.
- Oi! Aqui é o MJ. Diz Mike com uma voz de sono.
-??. Fico calada

Qd. eu escuto aquela voz novamente minha respiração fica ofegante e meus batimentos vão de 0 á 100 em questão de segundos e começo a transpirar

- Michael?. Que surpresa!?. Digo sentando no sofá.
- Está tudo bem?. Pergunta Mike.
- É que eu nunca imaginaria que vc fosse ligar... depois daquela noite que saí de Neverland... Digo.
- Eu posso te perguntar algo?. Diz Mike
- Sim!. Digo
- Vc me ama? Como seu namorado?. Pergunta Mike.
- Michael?? Pq vc está me questionando sobre isso?. Pergunto.
- Eu só quero saber vc me ama? Não como fã mais como mulher?. Pergunta novamente.
- ... (chorando). Nada digo
- Vc não o ama?. Pergunta Mike sobre o Jonas.
- Michael eu amo o Jonas... Digo com uma dor no coração.
- Pois eu vou lhe dizer... Eu te amo, como nunca amei outra mulher... vc sempre terá um lugar em meu coração. Diz Mike que me deixava sem chão.
- ...

Fico apenas escutando Mike se declarar.

- Feliz Natal e um maravilhoso 1994... I LOVE YOU!. Diz Mike.
- ...

(desligo o tel.)
Naquele momento eu começo á entrar numa crise de choro, começo a "deslizar" pra frente e fico de joelhos no chão, me curvo pra frente com minhas mãos na barriga, e fico pensando no Mike e no Jonas. Minha manhã de Natal tinha começado super bem.

(tel. toca)
Fico com medo de atender e ser o Jonas. Mais eu após três toques resolvi atender.

(atendo)
- Alô?. Digo chorando.
- Ce? É a Sissa! Está tudo bem com vc?. Pergunta Sissa que muda o entusiasmo de sua voz.
- (chorando) Michael ligou!. Respondo.
- Vc está brincando?. Diz Sissa

Nesse momento eu não consigo falar mais nada, ou o que eu consigo vou falando pausadamente.

- Ele deve te amar!. Diz Sissa
- Ele me ama... ele me fez uma pergunta que acabou comigo. Digo.
- Qual?. Pergunta Sissa.
- " Se eu o amava asssim como amo Jonas...". Repito a pergunta do Mike.
- Ahhh eu não acredito? E vc?. Diz Sissa.
- Eu respondi que não!. Digo
- Ce?! Vc o ama?. Pergunta Sissa
- Pode parecer loucura mais eu amo os dois da mesma maneira intensa, selvagem, romântica...
- Ce? Vc não ama mais o Jonas como antes... Depois que vc foi pra Neverland ou melhor qd. vc começo á ter amizade com o Mike após o show dele vc mudou... Diz Sissa
- (chorando)...
- Responde vc ama o Mike?. Diz Sissa.
- ... Sim!! Mais eu não ficar com ele... Respondo.
- Ce? Não se engana está em tempo de vc ir ao encontro do Mike!. Diz Sissa
- ... Eu tenho que ir agora... Feliz Natal!. Digo falando rápido.
-...

Eu, olha pra cima e digo em voz alta "Deus! Me ajuda? Por favor!!", então, eu vou até o banheiro lavo meu rosto pra ir á casa da minha mãe.

(no banheiro)
Eu molho duas vezes meu rosto, deixo minhas mãos em cima da pia e fico olhando fixmamente p/ o espelho, nisso como se fosse os meus sentimentos que estivessem "falando" eu começo a ver imagens minha com o Jonas e depois com o Mike, na duas eu estava feliz por estar ao lado de dois homens que me fizeram a mulher mais feliz, mais por outro as palavras da Sissa e do Mike começavam a me torturar como fantasmas.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

42 Re: Dois Amores [+18] em Qui Jun 30, 2011 4:41 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
26º Cap.

Eu pego a toalha e enxugo meu rosto. Então, eu respiro bem fundo pego minhas coisas e saio.

(saio)

Enquanto eu caminhava até a casa da minha mãe, eu pensava mais eu acabava ficando com raiva por que eu pensava, mais não adiantava nada.

(chego na casa dela)
Entro.

- Oi! Feliz Natal!. Digo abraçando-a.

Mais assim que ela me abraçou, começei a chorar desesperadamente.

- O quê aconteceu? Vc brigou com o Jonas?. Pergunta minha mãe acariciando meus cabelos.
- (chorando) Ahh mãe! Esta dando tudo errado na minha vida... Jonas vai ser pai, eu me envolvi com um homem... Dizia chorando sem parar e soluçando.
- ...

Minha mãe fica surpresa pois, não sabia desses problemas. Ela então, me puxa e nós fomos p/ o meu antigo quarto.

(entramos no quarto)
Ela fecha a porta e nós nos sentamos na cama.

- Me conta tudo. Diz minha mãe que começa a ficar nervosa.
Ok... em 1º lugar qd. eu fui viajar p/ os E.U.A. eu menti para o Jonas dizendo que iria a casa e uma tia... 2º lugar lembra do show do MJ que fui? Pois bem, nós começamos a ter uma amizade, e foi por causa dele que fui viajar... Me explicava.
- Hum o quê tem isso haver?. Pergunta.
- Nessa viagem eu fui pra Neverland e uma atração muito forte que nos dominou e.... nós transamos. Jonas não sabe mais a Sú ouviu a conversa entre eu e a Sissa e eu fico morrendo, sempre que ela liga querendo falar com ele... Dizia.

Ela levanta e fica andando em circulos.

- Como vc foi capaz disso?. Pergunta indignada.
- Mãe aconteceu... ele me ligou de manhã me perguntando se eu o amava como amo o Jonas. Digo.
- Como? (risos) isso é piada só pode. Repetia.
- ...
- Eu th que ir, vou passar o Natal com o Jonas. Digo e me levanto em seguida.
- Vc vai ficar aqui! Eu quero que vc me explique melhor pq eu fiquei confusa. Diz ela nervosa.
- Mãe... amanhã está bem? Hoje e Natal por favor deixa-me ir. Digo chorando.

Ela fica me olhando e um silêncio assustador.

- Ok! Mais amanhã, quero que vc me explique muito bem essa hist.
- Obrigada. Digo abraçando-a fortemente.

Mais qd. eu abro a porta ela me chama.

- Ce espere... deixa eu te fazer uma pergunta... Vc ama o Jonas ou o MJ?. Pergunta com sua mão direta em meu rosto.
-... Eu não sei explicar? Eu estou apaixonada pelos dois, não sei se isso é possivél? Mais eu th medo, medo de fazer a escolha que seja errada?. Digo
- Vc vai saber escolher. Diz ela que me dava um imenso conforto.
- ...

Então, eu sai do quarto, ela ficou lá pensando na tremenda confusão que entrei.

(saio)

Pego um táxi e vou p/ casa do Jonas.

(chegando lá, toco a campainha)
Assim, que ele abre nos olhamos, e demos um bj.

- Oi amor! Feliz Natal! Diz Jonas.
- Oi, Feliz Natal!. Respondo.
- Vc estava chorando?. Pergunta.
- Sim... eu passei na casa da minha mãe. Digo
- Seus pais não vão vir?. Pergunta
- Não! Eles vão passar na casa da minha avó. Digo
- Hum... mais venha, venha. Me puxava pra dentro.

Qd. entro comprimento seus pais e alguns famíliares. Jonas me apresentava com um grande sorriso, mais aquele sorriso me torturava.
Após eu ter conehcido seus famíliares, eu vou ajudar na cozinha, pq isso seria uma falta de respeito tremenda, aliás todas as mulheres foram p/ a cozinha.

Horas mais tarde 20h00...
Estava tudo uma maravilha até...

- Ce, eu assim que soube que a Sú estava grávida, eu achei correto chama-lá... Sabe de uma coisa, Jonas me contou que não transou com ela e eu acredito, ele nunca iria te trair, ele me disse e deve ter contado pra vc tbm, que se ele for se apaixonar por uma outra garota, ele iria conversar e esperar que vcs fossem bons amigos. Dizia a mãe do Jonas.
- ??... é nós conversamos sobre isso... como ele reagiu?. Pergunto.
- Não gostou nada, mais pelo que eu a conheci, ela não deve ser uma boa pessoa... Dizia
- ...
-...

(tocam a campainha)
Jonas vai abrir. Qd. eu percebo que era ela com seus pais eu respirei bem fundo. Eu percebi que ele não queria nada com ela, pq ela queria um bj ele apenas abraçou-a.

- Oi Ce! Feliz Natal! Esses são meus pais. Dizia Sú.
- Oi, Feliz Natal!. Respondo.

O mais estranho é que todos perceberam o que estava acontecendo. Parecia que tinham contado p/ todos mais não, as nossas reações falavam por nós.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

43 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jul 02, 2011 3:43 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
27º Cap.

Eu queria que aquela noite passasse o mais rápido possivél. Eu, não dava nenhuma oportunidade p/ que ela ficasse com o Jonas, até pq ele não queria ficar com ela.

- Amor vamos tirar uma foto?. Pergunta Sú "em cima dele".

Eu fiquei olhando pra ela, e segurando fortemente a mão dele.

- Sú... Por favor!. Diz Jonas.
- Ela pode tirar a foto tbm Jonas. Diz Sú.
- Está bem, mais só essa foto ok?. Questiona o Jonas.
-...
-...

Então, Jonas, eu e a Sú fomos num canto tirar a foto. Eu e ele forçamos o sorriso, por causa dela, não sei se perceberam, mais se percebera não iriam falar nada, mais nem precisaria pq a nossa reação já dizia tudo.
Após tirarmos essa foto, Jonas e eu fomos p/ o quarto dele namorar um pouco, pq na sala não tinha condições não, pela família dele mais sim pela Sú.

(saimos da sala)

Sú, chamou o Jonas, mais ele nem virou.

(entramos no quarto)
Jonas fecha a porta e começa a me beijar fervorosamente.

- Jonas... espera amor (risos) calma!. Digo enquanto ele me beijava.
- Estou tão feliz por vc estar aqui comigo. Eu te amo, muito, muito. Dizia Jonas que deslizava suas mãos pelo meu quadril.

Os beijos começaram a esquentar, Jonas vai me levando até a cama, ríamos que a minha barriga começava a doer.

(batem na porta)
- Ahhh quem será?. Diz Jonas.
- Adivinha?. Respondo.

Jonas levanta todo chateado.

(abre a porta)
- O que vc quer?. Diz Jonas p/ a Sú.

Qd. eu percebo que ele mudou a voz eu desanimei.

- Ahh Jonas sua mãe está chamando p/ jantar. Diz ela.
- Não está na hora... nós só vamos á 0h00. Diz Jonas.
- Mais assim tão tarde?. Dizia ela que estava louca p/ entrar.
- ...
- ..

Jonas pediu p/ que ela se retirasse, pq queria ficar sozinho comigo. Pois bem, ela sai com uma cara de poucos amigos.

(ele fecha a porta)
Jonas senta na beira da cama, coloca suas mãos em sua cabeça, eu lvou até ele e abraço-o por trás. Jonas, coloca suas mãos sobre as minhas.

- Amor calma!. Digo.
- Ela não me deixa em paz, ela não vai nos deixar em paz. Dizia Jonas.
- Jonas é melhor que voltassemos... não seria legal que ficassemos aqui. Digo.
- É vc está certa... vamos descer. Diz Jonas.
-...
-...

Levantamos.

(saímos)

Qd. chegamos na sala.

- O quê os dois estavam fazendo lá em cima?. Pergunta Marcelo um primo dele.
- (risos)... Nada apenas conversando pq?. Diz Jonas que ao sorrir mostra suas covinhas e deixa que todos pensem que estavamos fazendo coisas impróprias.
- Jonas o seu sorriso não engana, seu danado quer ficar sozinho com ela, após termos aberto os presentes vão p/ uma Hotel. Diz seu pai sacaneando Jonas e eu.

Eu fiquei vermelha com aquela conversa.

- Ce posso dizer uma coisa?. Diz Marcelo.
- (risos) pode?!. Respondo
- O Jonas é parente do coelho gosta de procriar viu?. Dizia Marcelo rindo.
- (risos) Sério?. Respondo.
-...

Jonas escutava essa conversa e mordia seus lábios, dentro de mim uma sensação começa á aumentar e começar a pensar "coisas" com ele.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

44 Re: Dois Amores [+18] em Dom Jul 03, 2011 5:12 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
28º Cap.

Todos me olhavam como se eu tivesse cometido um crime, Jonas olhava pra mim e ria, eu passava minha língua no céu da minha boca e abaixo a cabeça e abraço Jonas envergonhada.

- O quê foi?. Pergunta Jonas.
- Jonas não foi nada... (risos)... Respondo rindo e lambrando do que o Marcelo disse.
- Foi o que meu primo disse?. Pergunta Jonas que ria.
- (risos)... é. Respondo.

Jonas abraça-me mais forte. Sú como sempre queria estragar tudo, ela fazia de tudo p/ ele olhar e qd. ele olhava ela passava ás mãos em sua barriga qd. eu via isso eu ficava louca, ela queria nos provocar, Jonas olhava e balançava a cabeça com um olhar de desprezo.

Quatro horas mais tarde...
Qd. deu 0h00 fomos trocar os presentes, ríamos sem parar os familiares do Jonas falavam cada coisa engraçada.

- Bem chegou a minha vez... O meu amigo secreto é uma pessoa maravilhosa, lindo, que me fez a mulher mais feliz do mundo. Dis Sú descrevendo, passando sua mão em sua barriga e olhando p/ o Jonas.

Jonas olhava, olhava, cruza seus braços, olha pra baixo, mais ele vai até ela. Sú abraça fortemente ele e dá um selinho, nisso Jonas não retribui o abraço do jeito que ela gostaria.

- Espero que vc goste?. Diz Sú com os braços p/ trás.

Jonas abre e tem uma surpresa. Sú tinha dado um macacão de saída de maternidade com o distintivo do Santos.

- Olha que fofo filho. Diz a mãe do Jonas.

Jonas fica segurando e olhando p/ a roupa, eu olhava pra ela com uma raiva, Jonas então olha p/ mim, de um jeito, eu pensei "Ela merece uns tapas... que oferecida?!...", eu olhava p/ o Jonas e levantava a minha sobrancelha, ele logo percebia que eu queria pular no pescoço dela, então, Jonas pensa "Ce levantou a sobrancelha é uma mal sinal... mais o quê ela quer? Porquê minha mãe a convidou?", Jonas sai de perto da Sú e vêm onde eu estou.

- Mais que atrevimento dela não?. Digo com os braços cruzados.
- Eu não sabia que ela viria. Dizia Jonas.
- Eu sei, sua mãe havia me dito. Digo.

Jonas guarda a roupa e coloca no braço do sofá, ele pega em meu braço e vamos até a cozinha.

(na cozinha)
Jonas segurando meu braço fecha a porta, vamos até o balcão.

- Ce? Olha pra mim amor?. Diz Jonas, que coloca suas mãos em meu rosto.
- Fala... Respondo.
- Vc sabe que ela vai aprontar, não sabe? Não se deixe abater por causa das provocações... Dizia Jonas.

Jonas e eu ficamos por 5 minutos conversando.

(saimos da cazinha)
Nós fomos jantar Jonas e eu sentamos um do lado do outro, e Sú na frente dele. Eu percebia que os pais dela não eram boas pessoas pq a mãe dela falava algo olhando pra mim e ria logo em seguida, eu me controlava p/ não fazer besteira.

Após o jantar...
Todos ficam brincando, a mãe da Sú me chama pra conversar.

- Posso falar com vc?. Diz Ruth mãe da Sú.
- Claro. Respondo mais muito surpresa.

(fomos p/ a cozinha)
Ela fecha a porta.

- O que vc quer?. Perguntava Ruth apontando p/ mim.
- Perdão?. Respondo.
- É melhor vc e separar do Jonas, e deixar que ele fique com a minha filha. Dizia grosseiramente.
- (risos) eu não vou brigar com a Srª... eu não vou deixar ela ficar com o Jonas. Respondo.
- Ela está grávida dele... se ela perder esse filho por sua culpa... Diz Ruth.
- Está me ameaçando?. Pergunto.
- O que vc acha?. Diz Ruth nervosa.

(Ruth sai)
Eu viro p/ a Janela coloco minhas mãos na cabeça e começo a chorar nervosa.

Jonas observa Ruth saindo da cozinha.

- Onde está a Ce?. Pergunta Jonas.
- Está na cozinha, eu falei com ela. Diz Ruth.
- Conversou o quê?. Pergunta Jonas.
- Nada... Diz Ruth disfraçando.

(Jonas vai na cozinha)

Sú vai até sua mãe.

(na cozinha)
- Ce?. Diz Jonas.
- Jonas me abraça? Me abraça bem forte?. Digo chorando

(na sala)
- Eu conversei com ela, disse p/ ela ficar longe do Jonas. Dizia Ruth.
- (risos) Oh mãe... Obrigada!! Está pensando em algum plano?.
- Sim. Responde Ruth com um largo sorriso.

(na cozinha)
Jonas me abraçava e percebe que a conversa foi tensa.

(saimos da cozinha)
Fomos p/ o quarto dele.

Ruth queria se realizar as custas de sua filha, Sú tinha um segredo.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

45 Re: Dois Amores [+18] em Seg Jul 04, 2011 4:15 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
29º Cap.

Como já era muito tarde eu durmo na casa dele.

- Obrigada por ter nos convidado. Diz Ruh abraçando a mãe do Jonas.
- Que isso... Mesmo que o Jonas e sua filha não estejam juntos, ela vai ser futuramente mãe do filho dele. Responde ela.
- ...

Mais como ela tbm tem um prazer em acabar com alegrias dos outros.

- Posso falar uma coisa p/ Srª?. Pergunta Ruth.
- Claro. Responde.
- Eu não quero estragar a vida dos dois mais... a Srª confia na namorada do Jonas?. Diz Ruth.

Nesse momento, a mãe dele começa a "rir" daquela pergunta. Eu de longe olho as duas conversando, cutuco ele.

- O quê elas falam?. Questionava p/ ele.
- Relaxa amor... aliás quero saber pq vc estava chorando na cozinha?. Pergunta Jonas que estava me abraçando por trás.
- Jonas... pq eu fui falar?. Digo.
- Me conta. Diz Jonas me pressionando.

Enquanto eu, tentava mudar de assunto, eu observava as duas.

- Claro que sim... pq faz essa pergunta?. Questiona surpresa a mãe dele.
- Por nada... por bobeira. Responde Ruth.
- ...

Nisso chega Sú, p/ se despedir. Ela fazia de tudo para agradar a Srª Carmem (mãe do Jonas). Então, Sú e seus pais se despendem de todos.

- Ai que cabeça a minha vou me despedir da Ce. Diz Ruth com um sorriso mais que falso.

Qd. ela vem em nossa direção eu já penso "O quê essa cobra mãe quer agora?".

- Eu th que me despedir do casal. Diz Ruth com os braços abertos e um sorriso falso.

Lógico que Jonas e eu rimos dessa cobra, principalemte eu.

- Obrigada pela linda noite e desculpe se minha filha constrangeu vcs em algum momento?!. Diz Ruth abraçando ele.
- Que isso.. Responde Jonas.
-...

Carmem chama Jonas.

(Jonas sai)

Fica apenas nós duas, ele muda a fisionomia rapidamente.

(Jonas chega)
Jonas não tinha trocado nenhuma palavra com ela, ele tinha sido frio com ela, lógico que a mãe dela ficou louca.

- Vc entendeu o que eu disse na cozinha?. Diz Ruth em meu ouvido e me abraça assim que ele volta

Não digo nada, apenas escutava calada, mais Jonas percebia que estava ocorrendo algo de muito estranho. Ela bj minha bochecha, um gesto pra lá de falso.

(Sú e seus pais saem)
Todos vão dormir, como a casa era grande podiam dormir avontade. Jonas e eu nos despedimos e fomos p/ o quarto.

(dentro do carro)
Ás duas cobras falavam no plano a única pessoa que tinha "cabeça" e era uma boa pessoa era o pai dela, que nunca aprovou o jeito que ela foi criada pela mãe. Aliás o casamento deles não estavam mais um paraíso, ele sabia que elas iriam aprontar.

(quarto do Jonas)
Jonas e eu nos tracamos e nos deitamos, eu sobre seu peito e ele acariciando meus cabelos.

- Vc quer falar pq vc estava chorando?. Pergunta Jonas.
- Amor... eu não quero falar disso, por favor?. Digo
- Vc tem certeza?. Pressiona Jonas.
- Tenho amor. Respondo.

Se eu contasse ele iria brigar com ela, e lógico que a Sú iria abrir o jogo.

(Sú chega em sua casa)
Elas saem correndo como o diabo corre da cruz e vão vai o quarto.

(quarto de seus pais)
Lá Sú conta uma coisa que deixa sua mãe muito feliz, e em cima dessa notícia começa a planejar o que iriam fazer.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

46 Re: Dois Amores [+18] em Ter Jul 05, 2011 4:53 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
30º Cap.

Sú então, conta a sua mãe um grande segredo. Ruth levanta da cama e começa a gargalhar de tanta felicidade.

Vespera de Ano Novo...
Iria passar com o Jonas novamente, eu estava sozinha em casa já que um dia depois do Natal meus pais foram viajar, eles me chamaram mais eu preferi comemorar ao lado do Jonas.

(abro a porta)
Estava indo jogar o lixo qd. vejo uma carta, fiquei curisosa até pensei que seria uma ameaça daquelas loucas. Eu coloco a carta na mesa e vou jogar o lixo.

(fecho a porta)
Eu sento no sofá p/ lêr.

"Sabe o que eu mais queria neste exato momento, estar tão pertinho de você que até nossa respiração se confundiria.

Sentir seus braços a me envolver e suas mãos a me tocar, não precisariam de palavras, apenas o silêncio reconfortante de saber que mesmo por instantes poderia me sentir seguro e amado.

Você me faz falta, mesmo sabendo que não posso e que podes estar comigo, meu coração teima em não me entender e muito menos aceitar.

Foi tão casual, você não premeditou e eu também não, apenas nos vimos por puro destino e então não houveram forças que nos afastassem, precisávamos nos pertencer, estava escrito.

Você modificou a minha vida mesmo sem se dar conta do seu poder, brilhou tão intensamente que este reflexo irá dura por toda uma existência.

Vem que a sede de te querer e te desejar me faz muito melhor, eu só queria poder amanhecer ao seu redor, preciso tanto que me faça feliz...

Sinto que o tempo e a distância inevitavelmente irá afastar nos dois e seremos apenas uma doce lembrança que permanecerá viva somente dentro dos nossos corações.

Seremos um segredo vivo e adormecido, mais uma certeza eu terei, você foi a melhor coisa que aconteceu para mim".


Conforme eu ia lendo minha respiração ficava mais intensa, minhas mãos tremulas, qd. termino vejo que não estava assinado mais não precisaria eu sabia que era o Mike. Mais uma vez fico louca sem saber o quê fazer?. Será que eu não estou vendo o quê está acontecendo?.

- Pq.?. Me questionava.

Eu tinha que esconder essa carta antes que o Jonas encontrasse.

(vou p/ o quarto)
Eu vou direto abrir o guarda - roupa, pego uma caixa onde guardava meus cadernos com poesias e poemas que escrevia.

(tel. toca)
Dou um grito.

(atendo)
- Alô? Ce?.Diz Jonas.
- ...

Qd. eu atendo eu começo á imaginas coisas. Fiquei tão perturbada que "escuto a voz do Mike", fico sem responder por alguns segundos até que eu volto do transe.

- Amor? Amor??. Perguntava Jonas, que começava a ficar preocupado.
- Oi! Desculpe-me eu estava distraída em meus pensamentos.
- Humm espero que sejam bons. Diz Jonas.
- (risos) Sim... são bons...
-...

Jonas tinha ligado p/ me falar que horas ele podia ir me buscar, lógico que eu tentava ao máximo manter meus pensamentos naquela conversa, mais eles voaram p/ Neverland, como sempre foi.

- Jonas... a Sú e os pais dela não vão estar em sua casa né?. Pergunto.
- (risos)... Não eu falei com a minha mãe e ela tbm concordou que não seria uma boa idéia. Responde.
-...

Jonas e eu combinamos a hora em que ele viria me buscar.

Cont.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

47 Re: Dois Amores [+18] em Qua Jul 06, 2011 4:31 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
31º Cap.

Horas mais tarde...
Qd. eu já estava na casa dele, finalmente soubemos o que era paz. Estava tudo lindo, mais pensativa "Se a Sú aparece?", eu fazia de tudo p/ que não percebam o que estava acontecenddo comigo.

Contagem regressiva...
Estavámos muito animados, todos começam a fazer a contagem, Jonas e eu de mãos dadas.

- Feliz Ano Novo Ce! Diz Jonas.
- Feliz Ano Novo amor. Respondo

Todos se abraçaram.

- Vc aceita se casar comigo?. Pergunta Jonas
- O quê? Eu não escutei. Digo em seu ouvido.
- Vc quer se casar comigo?. Pergunta Jonas, perto do meu ouvido.

Eu começo a rir.

- Aceito! Respondo no susto.

Então, nos abraçamos. Jonas saía gritando "Nós vamos nos casar!", todos reagem de uma maneira que me assustava.

- Vcs estão de brincadeira?. Perguntava Carmem mãe do Jonas.
- Não!!. Diz Jonas que me olha e beija-me
- Ele tbm me surpreendeu com esse pedido. Respondo.

Todos começam a gritar e a bater palmas, eu morrendo de vergonha.

- Eu posso ligar p/ minha mãe?. Pergunto.
- Claro amor, vai no quarto dos meus pais. Responde Jonas.
- Obrigada.

(vou p/ quarto de seus pais)
Fecho a porta e ligo.

-Alô? Digo.
- Alô? Oi filha! Feliz Ano Novo. Diz minha mãe.
- Feliz Ano Novo pra vc tbm e p/ todos aí. Digo.
- Humm sua voz está diferente o quê está acontecendo?. Pergunta minha mãe.
- Adivinha?. Digo.
- Vc está brincando?. Responde surpresa.
- (risos) quem me dera... Digo
- E vc aceitou?. Pergunta.
- Sim. Respondo.

Qd. eu digo "Sim" ela dá um grito e começa a chorar.

- Mãe?! Calma... Digo.
- Minha pequena irá se casar... Fico tão feliz por vc amor... mais espera um momento. Diz ela.
- O quê foi?. Pergunto.
- Vc está bem?. Pergunta.
- Claro. Respondo.
- Não está... eu te conheço... Diz ela me pressionando.
- Mãe... estou no tel. da casa dos pais do Jonas a conta vai vir imensa. Respondo.
- Apenas me responda... Ele tentou outro contato com vc?. Pergunta.
- Não.. Digo
- Vc está mentindo. Diz ela.
-... Nada digo.
- Eu sabia... ele falou com vc né?. Insistia
- Ele me mandou um cartão...
- ...

(batem na porta)
Jonas entra.

- Mãe th que desligar... Bjs tchau. Respondo.

(desligo)
- falou com ela?. Perguntou
- Sim... vamos descer?. Respondo

(saimos do quarto)

Qd. nos sentamos o tel. toca.

(Srª Carmem atende)

- Alô?. Pergunta.
- Oi, minha querida sou eu Ruth. Diz ela.
- Oi, Ruth!. Responde.
- Feliz Ano Novo pra vc e sua família. Diz ela.
- Igualmente. Responde.
- Aconteceu algo?. Pergunta
- Sim! Jonas pediu a Cecília em casamento. Diz ela feliz e com um sorriso.
- Oh!! Que bom... Parabéns p/ o casal!!. Diz ela.
-...
-...

Nisso eu olhava p/ ele e logo sabíamos com quêm a Srª Carmem falava.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

48 Re: Dois Amores [+18] em Qui Jul 07, 2011 9:55 pm

Ellen

avatar
Admin
Admin
Querida venho para lhe deixar o link do mais novo fórum: http://mj-holdmyhand.forumeiros.com/


_________________

http://mj-thegreatestoffici.forumeiros.com/forum

49 Re: Dois Amores [+18] em Sex Jul 08, 2011 5:18 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
Cap. 32º

(casa da Sú)
- O quê foi mãe?. Pergunta Sú.
- Vc não sabe na loucura que acabei de saber. Responde ela.
- O quê?. Pergunta anciosa Sú.
- Jonas pediu aquela mulherzinha em casamento. Diz

Sú, levanta da cama e começa a andar em circulos.

- Ele não pode fazer isso?. Falava estericamente Sú.

Ela começa a gritar.

(na sala)
Seu pai estava escutando os gritos da Sú, ele decidi ir ver o que estava acontecendo.

(no quarto)
- Vc pode se acalmar? Poxa eu vou fazer com que ele termine com ela.
-..

(pai da Sú bate na porta)
-Está tudo bem? Abram a porta!!. Dizia ele batendo na porta.
- André por favor... não atrapalha está tudo bem aqui. Diz ela

Ele sabia que as duas estavam aprontando alguma, ele continuava com as batidas cada vez mais fortes.

- Abram essa m*** dessa porta agora. Diz ele alterado.

(Sú abre a porta)
Ele entra e logo percebe do que se tratava.

-Vcs querem impedir que eles se casem?. Pergunta

As duas ficam caladas por alguns segundos, mais logo começam a falar.

- Sim!! Eu quero que minha filha tenha do melhor. Diz ela com sua voz alterada e demostrando a infeliciade em seu casamento.
- Pq? Vc está falando isso? Eu não fui um bom pai para ela?. Pergunta André.
- Foi sim... mais vc não é o verdadeiro pai dela... eu menti todos esses anos, eu falei que estava grávida de vc, por causa de seu dinheiro, eu nunca amei vc como deveria. Diz ela chorando e tirando um peso de sua conciência.

Sú assistia aquela cena bem de perto, pedia para que eles parassem, mais nada adiantava. Seu pai tinha um problema muito sério do coração, ele usuava um marca-passo.

- Vc? Como? Eu disperdiçei a minha vida ao lado de uma mulher soberba e mesquinha? Eu não vou deixar vcs estragarem a vida dos dois... há mais uma coisa eu quero me divorciar de vc, quero que vc e sua filha saíam da minha casa. Diz ele que sai nervoso.

Sú fica olhando para sua mãe.

- Engole esse choro. Diz Ruth.
- Eu vou ver se ele está bem?. Diz Sú.
- Vc não ouviu? Ele não é seu pai!. Diz Ruth que segurava pelo braço dela.

Ruth ficou tão nervosa que empurrou ela na cama.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

50 Re: Dois Amores [+18] em Sab Jul 09, 2011 5:49 pm

CecíliaBad

avatar
Moderador
Moderador
33º Cap.

Sú não reconhecia sua mãe.

(casa do Jonas)
Jonas e eu resolvemos ir visitar minha amiga Sissa.

(saímos)
Jonas começava a falar nos preparativos p/ o casamento e eu nem pensava nisso.

(casa da Sú)
Ruth sai do quarto e vai direto, p/ a sala falar com André.

(Ricardo liga)
- Alô? Sú?. Diz ele.
- Oi! Tudo bem!. Como vc está?. Pergunta ela.
-...
-..

Ambos ficam falando por alguns minutos. Ricardo ama Sú, sempre está ao seu lado qd. ela mais precisa, ele sabe que o Jonas não se envolveria com ela. Mas Sú, tem uma coisa que ela guarda e que não aguenta mais prosseguir com isso. Mais depois daquela cena que viu, ficou com medo de sua mãe caso ela se arrependa e deixe Jonas prosseguir sua vida.

- Vc está bem?. Pergunta ele.
- Estou numa situação complicada... tenho um segredo que é muito tenso. Diz ela que começa á chorar.
- Me conte! Vc sabe que pode contar comigo. Diz ele.

Ela sabia que podia contar com ele, mais preferiu não comentar nada.

(na sala)
Ruth chega bufando de raiva e começa a gritar. Mais André não aguentaria mais aquela vida.

- Vc ainda está aqui?. Diz ele que tinha uma mão em seu peito.
- Hã? Eu não irei sair daqui... Sabe Jonas não pode casar com ela porque aquela mulherzinha que não tem onde cair morta, traiu ele?. Dizia ela que provocava-o mais ainda.
- Isso é loucura... Vc é louca. Diz ele que senta por causa de suas dores que ficam mais intensas.
-...

Ruth chama a Ambulância. Ela da sala chama pela Sú.

(no quarto)
- Eu th que desligar minha mãe está me chamando. Diz ela que desliga logo o tel.
-...

(Sú sai do quato)
Qd. ela chega na sala percebe que André não estava bem. Ruth logo diz que tinha acabado de chamar a Ambulância. Ruth estava descontrolada.

(chega o socorro)
Elas seguem a Ambulância.

(casa da Sissa)
Ficamos conversando por horas e horas, contamos a novidade, Sissa olhava p/ mim e balançava a sua cabeça mais seu olhar dizia outra coisa.

( Hospital)
Ruth mostrava nervosismo aos olhos das pessoas do local, mais por dentro ela estava feliz. André foi levado p/ a UTI de Cardiologia.

CONT.


_________________



"Michael,
quando penso que tudo está dando errado eu simplesmente fecho os olhos,
respiro e vem em minha mente seu rosto sorrindo me tranquilizando e
dizendo vai ficar tudo bem!".


http://www.facebook.com/mcribeiro1

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 3]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum